Gopastami

Sri Vraja Mandala Parikrama 2014
30 de outubro de 2014
Divino Desaparecimento de Srinivasa Acarya
1 de novembro de 2014

Gopastami

Hoje é Gopastami, o precioso dia em que Krsna sai para pastorear as vacas pela primeira vez! Em homenagem a este lindo dia, oferecemos trechos de uma aula dada por Srila Narayana Gosvami Maharaja em Vrindavana (India), no mês de Kartika, no dia 28 de outubro de 2002. 

Krsna e Suas trocas amorosas com as vacas

Krsna e Suas trocas amorosas com as vacas

 

Neste mês de Kartika, que é quando a infância de Krsna chega ao fim, Ele inicia Seus passatempos juvenis e sai para pastorear os bezerros pela primeira vez. Porque Ele era muito pequeno, inicialmente Ele apenas pastoreava bezerros, e o dia em que Ele começou é chamado Gopastami! Então, quando Ele se tornou mais velho, mais maduro, e entrou em Sua idade kaisora​​, Ele teve um outro Gopastami. Este foi o primeiro dia em que Ele saiu para pastorear as vacas. Por que Krsna cuidava dos bezerros e das vacas? Ele era o filho de um rei, sem qualquer obrigação. A resposta é que, sob o pretexto de pastorear as vacas, Ele escapava dos limites de sua casa e dos olhares vigilantes de seus pais e anciãos, de forma que podia ir à floresta se encontrar com Srimati Radhika e as gopis. Gopasthami marca o dia da realização dos desejos de Krsna, onde Ele tem diretamente Seu primeiro encontro íntimo! E este passatempo também ocorreu no mês de Kartika.

Este mês também é auspicioso porque a partida de Krsna  da aldeia para pastorear as vacas foi descrita pelas gopis (Srimad-Bhagavatam 10/ Venu-gita, Cap 21) neste mês. Sri Sukadeva Gosvami disse:

sri-suka uvaca
ittham sarat-svaccha-jalam
padmakara-sugandhina
nyavisad vayuna vatam
sa-go-gopalako ‘cyutam
(Srimad-Bhagavatam 10.21.1)

[“Sukadeva Gosvami disse: “A floresta de Vrindavana estava repleta da água translúcida de outono e permeada com a brisa perfumada pela fragrância das flores de lótus que crescem nos lagos cristalinos. O infalível Senhor, acompanhado por sua vacas e amigos vaqueirinhos, entrou na floresta de Vrndavana. “]

Os belos Krsna e Balarama pastoreando as vacas em Vrindavana

Os belos Krsna e Balarama pastoreando as vacas em Vrindavana

Acyuta, Krsna, junto com Seus amigos, entrou na floresta nesta temporada sarad ( de outono) . A primeira noite de Kartika foi Saradiya Purnima, a noite da lua cheia da estação do outono. Srila Narayana Maharaja explicou quão bela estava Vrndavana naquele momento! Todos os lagos e rios tornam-se lamacentos durante o verão, mas quando a temporada termina e começa a temporada sarad, todos os lagos, como Manasi Ganga e Kusuma Sarovara, ficam belos e claros! Sobre estes lagos, desabrocham muitas flores de lótus que emitem um perfume dulcíssimo, e a brisa carrega essa fragrância para todos os lugares! Nesta bela atmosfera, Krsna, Acyuta, saiu para pastorear as vacas.

kusumita-vanaraji-susmi-bhrnga
dvija-kula-ghusta-sarah-sarin-mahidhram
madhupatir avagahya carayan gah
saha-pasu-pala-balas cukuja venum

(Srimad-Bhagavatam 10.21.2)

[“Os lagos, rios e colinas de Vrndavana ressoavam com os sons das abelhas e bandos de aves, que voavam sobre as árvores floridas enlouquecidas! Na companhia dos meninos vaqueiros e de Balarama, Madhupati Sri Krsna entrou naquela floresta, e enquanto pastoreava as vacas Ele começou a tocar sua flauta. “]

Krsna toca docemente sua flauta e atrai todas as entidades vivas.

Krsna toca docemente sua flauta e atrai todas as entidades vivas.

Em Vrndavana há muitas sequências de árvores floridas, que estão atraindo as abelhas, que agora estão intoxicadas pelo seu mel! Muitos tipos de pássaros estão cantando várias melodias, e essas aves brincam em diferentes montanhas, como Giri Govardhana. Naquela época, Madhupati Krsna, que é cheio de madhu (mel), qualidades doces e  atraentes, entrou na floresta cercado por Seus amigos.

Neste mês as gopis permanecem em suas casas sentindo intensa separação por  Krsna, e, ao mesmo tempo, por sua bhava-netra, os olhos do  amor extático que sentem por Krsna, elas podem vê-lo entrar na floresta.

barhapidam nata-vara-vapuh karnayoh karnikaram
bibhrad vasah kanaka-kapisam vaijayantim ca malam
randhran venor adhara-sudhayapurayan gopa-vrndair
vrndaranyam sva-pada-ramanam pravisad gita-kirtih

(Srimad-Bhagavatam 10.21.5)

[“Vestindo um lindo enfeite de pena de pavão em Sua cabeça, flores karnikara azuis em suas orelhas, uma roupa amarela brilhante como o ouro, e uma guirlanda Vaijayanti, o Senhor Krsna exibiu Sua forma transcendental como o maior dos dançarinos quando Ele entrou na floresta de Vrndavana, embelezando-a com as marcas de Suas doces pegadas. Ele preencheu os buracos de Sua flauta com o néctar de Seus lábios, e os vaqueiros cantavam Suas glórias. “]

Todos estes versos são sobre a glória deste mês. Foi neste mês que as gopis permaneceram em suas casas e falaram umas às outras:

aksanvatam phalam idam na param vidamah
sakhyam pasun anuvivesayator vayasyaih
vaktram vrajesa-sutayor anavenu-justam
yair va nipitam anurakta-kataksa-moksam

(Srimad-Bhagavatam 10.21.7)

[“As vaqueirinhas disseram. “Oh amigos, os olhos que vêem as belas faces dos filhos de Maharaja Nanda são certamente afortunados! Como estes dois meninos entram na floresta, cercados por seus amigos, conduzindo as vacas diante Deles, mantendo as flautas em Suas bocas, lançando olhares amorosos aos residentes de Vrndavana! Para aqueles que têm olhos, não há maior objeto de visão.”]

“Oh sakhi, neste mundo a visão desta cena é o fruto de se ter olhos! Krsna está caminhando devagar, mantendo-se um pouco atrás dos outros vaqueiros, para que Balarama vá a frente. Enquanto isso,  Ele está olhando aqui e acolá, na esperança de ter um vislumbre de Srimati Radhika.”

Jay Sri Gopastami ki! Jay!
Jay Sri Sri Radha Govinda ki! Jay!!!

Gopastami 7jpg

Feliz Gopastami!