Divino Aparecimento de Sri Sri Radha Ramana

As Glórias de Śrī Mādhavendra Purī
3 de maio de 2015
Calendário Vaisnava- Maio 2015
9 de maio de 2015

Divino Aparecimento de Sri Sri Radha Ramana

Belo Abhisheka de Sri Sri Radha Ramana, hoje, 04 de maio, no dia do seu Divino Aparecimento em Vrindavana! 1.500 litros de leite foram utilizados em seu banho de adoração e muitos outros itens auspiciosos, além do darshan do assento de madeira e do pano usado por Sri Caitanya Mahaprabhu!

“Gopal Bhatta pensava sobre onde viveria, e como conquistaria os pés de lótus de Sri Caitanya Mahaprabhu. Assim, ele também partiu. Ele queria ir para Puri, mas não podia, porque Mahaprabhu havia ordenado que ficasse em casa e cuidasse de seus pais, e somente após o falecimento deles é que Gopal Bhatta poderia ir para Vrndavana- para os pés de lótus de Srila Sanatana Gosvamipada e Srila Rupa Gosvamipada.Ele estava procurando uma forma de chegar a Vrndavana. Em sua jornada, ele foi até os Himalaias, onde o Rio Gomati corre. Enquanto se banhava neste rio, percebeu que uma grande Salagrama estava o seguindo. Ela imediatamente se aproximou, e parecia estar dizendo: “Eu quero o seu serviço, Gopala Bhatta. Por Favor, venha me servir.” Desta forma, ele pegou para si a Salagrama, e a mantinha em seus braços, às vezes na cabeça, em outros momentos em seus olhos e outras vezes em seu coração. Ele a pegou e foi para Vrndavana, onde se encontrou com Rupa e Sanatana, que abraçaram fortemente este rasika Vaisnava puro, conhecido como Gopal Bhatta Goswami!
Nesse meio tempo, Caitanya Mahaprabhu desapareceu deste mundo. [Para ler mais sobre os sentimentos de separação de Gopala Bhatta por Mahaprabhu, vocês devem ler o livro Bhakti Ratnakara]. Em Vrndavana, certa vez Gopala Bhatta foi ao Radha-Ramana-Ghera próximo ao Seva Kunja na área de Nidhuvana – um lugar muito sagrado e secreto de Radha e Krisna. Lá, ele começou a pensar: “Como posso servir esta Salagrama ?” Ele queria ver os olhos do Senhor, Sua face, Seus braços, Sua forma curvada em três partes, e Seus pés de lótus. Ele queria decora-lO na ocasião de Jhulana (o festival do balanço).
Durante a noite, ele ficou muito preocupado, pensando: “Como posso servi-lO? Se Ele tivesse uma bela forma curvada em três partes, e uma face sorridente tocando belamente uma flauta, seria muito, muito bom servi-lO!.” Então, à meia-noite, a salagrama lhe disse: “Oh Gopala Bhatta, veja quão belo eu sou!”
Gopala Bhatta se levantou e foi até a deidade, e quando ele a viu pensou: “Como é belo Radha-Ramana!” Ele tinha a face de Gopinatha, o peito de Govindaji e os pés de Madana Mohana. Govinda, Gopinatha e Madan Mohan se manifestaram- três em um! Gopala Bhatta estava encantado ao ver isso! Ele chamou todos os Gosvamis, que ficaram impressionados, meditando em quão gloriosa era a bhakti de Gopala-bhatta, a ponto da salagrama ter se transformado em Radha-Ramana!
Vocês podem imaginar o Vaisnava elevado que ele era. Ele não era apenas um Vaisnava, mas muito querido e íntimo do Divino Casal Sri Sri Radha e Krisna. Ele é Guna Manjari nos passatempos de Krsna. Por suas orações, a salagrama se tornou Radha-Ramana.”

Srila Narayana Gosvami Maharaja

Jay Sri Sri Radha Ramana ji ki! Jay!!!

Fotos por Anup Krsna Das