Sri Manah-Siksa (Verso 01): Mangalacarana e ‘Sri Guru’

Os Mais Elevados Tópicos
5 de abril de 2016
Como Estar Livre da Raiva e do Ressentimento?
8 de abril de 2016

Sri Manah-Siksa (Verso 01): Mangalacarana e ‘Sri Guru’

Dandavats Pranamas! Jay Sri Sri Guru e Gauranga! Pela misericórdia sem causa de Srila Gurudeva, continuamos a tradução da escritura sagrada “Manah-Siksa: Instruções Espirituais para a Mente”, escrita pelo grande santo Vaisnava Srila Raghunatha Dasa Gosvami, com  o comentário denominado Bhajana-darpana-digdarsini-vrtti de Srila Gurudeva Bhaktivedanta Narayana Gosvami Maharaja. Estamos na postagem referente ao verso 1, que elucida ‘Sri Guru’. Nossa primeira postagem está no link: http://www.bhaktiyogapura.com/2015/08/sri-manah-siksa-prefacio-parte-01/ Esperamos que todos possam usufruir desse livro, que é a joia suprema entre todas as escrituras.  

1

gurau gosthe gosthalayisu sujane bhusura-gane
sva-mantre sri-namni vraja-nava-yuva-dvandva-sarane
sada dambham hitva kuru ratim apurvam atitaram
aye svantar bhratas catubhir abhiyace dhrta-padah

 

“Oh meu querida irmã, minha mente tola, agarrando-me a seus pés, eu humildemente oro a você com doces palavras. Por favor, abandone todo o orgulho e rapidamente desenvolva profundo apego amoroso pelo mestre espiritual, Sri Vraja-dhama, os residentes de Vraja, os Vaisnavas, os brahmanas, seus diksa mantras, os santos nomes do Supremo Senhor e o abrigo de Sri Sri Radha-Krsna, o eternamente jovem casal divino de Vraja”.

 

Sri Bhajana-darpana-digdarsini-vrtti

Mangalacarana

Primeiramente eu oro aos pés de lótus do meu mais adorável mestre espiritual, nitya-lila-pravista om visnupada astottara-sata Sri Srimad Bhakti Prajnana Kesava Gosvami Maharaja. Embora eu seja desqualificado em todos os aspectos, por uma gota de sua misericórdia sem causa, dou início a tradução do Sri Manah-siksa e seu Digdarsini-vrtti, a tradução (com significado expandido) da combinação em Sanscrito e Bengali do comentário de Srila Bhaktivinoda Thakura denominado Bhajana-darpana. Prostrando-me aos pés de lótus do comentarista, Srila Bhaktivinoda Thakura, e do autor do Sri manah-siksa, Srila Raghunatha dasa Gosvami, que é o principal seguidor de Sri Rupa Gosvami e eminente entre os seis Gosvamis, oro pela misericórdia deles.

sri sri guru-caranebhyoh namah
sri sri caitanya-candraya namah
sri sri rsdha-krsnabhyam namah

Oferecendo reverência prostradas aos pés de lótus de Sri Raghunatha dasa Gosvami, eu dou início ao comentário deste Sri Manh-siksa denominado Bhajana-darpana. Sri Dasa Gosvami é reverenciado em todo o mundo, por ter cortado todas as conexões mundanas e ter se abrigado completamente nos pés de lótus de Sri Sacinandana Gaurahari, a munificente encarnação na era de Kali yuga. Ele recebeu as profundas e confidencias conclusões sobre bhakti de Sri Svarupa Damodara Gosvami sob a ordem de Sriman Mahaprabhu. Os doze versos do Sri Manh-siksa são a vida e alma de todos os Gaudiya Vaisnavas. Ao direcionar sua própria mente, Sri Raghunatha dasa Gosvami intruíu todos os Gaudiya Vaisnavas.

Por grande fortuna, como resultado de méritos piedosos (sukrti) acumulados de muitas vidas, fé (sraddha) no Supremo Senhor é despertada no coração da jiva. Este pequeno livro compõe aquelas instruções que constituem o dever primário da entidade viva nesse momento. O profundo e confidencial significado de cada palavra do primeiro verso será dado agora.

 

(1) Sri Guru

O mais elevado devoto do Senhor Supremo que destrói completamente todos os impedimentos para o avanço espiritual (anarthas) e que concede conhecimento transcendental do relacionamento com Sri Krsna (sambandha-jnana) é conhecido como diksa-guru, o mestre espiritual iniciador. O mais elevado devoto que dá instruções sobre como realizar bhajana para Sri Sri Radha e Krsna é conhecido como siksa-guru, o mestre espiritual instrutor. Sabendo que ambos não são diferentes de Sri Krsna e são muito queridos a Ele, deve-se servi-los amorosamente de acordo com o desejo íntimo de seus corações. Em todas as escrituras reveladas o mestre espiritual é considerado o somatório de todos os semideuses e a eterna manifestação do Senhor Supremo. Eles devem ser adorados e reverenciados da forma mais elevada e nunca devem ser considerados como seres humanos comuns.

Aqui, encerra-se a primeira parte do verso 01, livro Sri Manah-Siksa.

Jay Srila Raghunta dasa Gosvami ki! Jay!!!
Gaura Premanande! Haribol!!!

Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição 3.0 Brasil http://creativecommons.org/licenses/by/3.0/br/